quarta-feira, 25 de março de 2009

Bob no Yahoo!!

Olha que legal!! O Bob tá na capa do yahoo!! Leia a matéria dele aqui neste link:
http://br.noticias.yahoo.com/s/25032009/48/entretenimento-historia-amor-final-feliz.html

--
Notícias do Bob!!!
O Bob nem parece mais aquele cachorrinho amuadinho de dor num cantinho, sem entender o que havia lhe acontecido... Está firme e cada vez mais esforçado.
Ele está com a cadeirinha provisória e segue voando na clínica onde permanece hospedado e sendo (muito bem) cuidado. Quando cansa, pede para sair da cadeirinha e voltar para sua baia, sua caminha. Ele sorri muito. Aprendeu a fazer curvas com a cadeirinha de rodas, desce degrau e vai até a grama na frente, olha o movimento, xereta os clientes. O Bob, apesar da sua deficiência, é feliz!

Mas ainda não desisiti de tentar, porque infelizmente o Bob ainda depende de fraldas, pois não segura suas necessidades. Ele não precisa de ajuda para fazer, mas precisa de troca constante das fraldas. Não tem o controle muscular para reter e controlar as fezes ou o xixi. Porém, após as sessões de fisioterapia que recém iniciou, já nota-se que está levantando a bacia, a coluna, com a força das patinhas da frente. Também deu sinal de mexer o rabo, está com certa sensibilidade no pênis e parece ter sentido a agulha numa sessão de acupuntura, no pezinho de trás! Isso é muito incrível, mas não quero ficar muito esperançosa, pois contraria tudo que o veterinário neurologista disse.

Minha esperança é que pelo menos algum controle das necessidades ele possa recuperar, e mais ainda, que encontre um lar de verdade, alguém que possa amar e retribuir toda essa alegria que ele tem!

Agradeço a todos que vem me ajudando nessa empreitada, com contribuições para suas despesas e diárias, participando das rifinhas, ajudando com doações, fraldas... Ele tem agora fraldinhas suficientes até final de abril. Não precisa de mais medicações. Está ainda iniciando os tratamentos de fisioterapia e acupuntura, para avaliarmos os possíveis progressos.

O Bob é dos nossos: uma pessoa foi doar fraldas diretamente na clínica e acabou adotando uma cachorrinha que estava lá, que havia sido abandonada. O Bob já é até protetor, anda doando filhotinhos! Um dia vai chegar a vez dele! Se vc conhecer alguém que queira adotar um cão lindo, pequenino e charmoso, mas muito especial, essa é a grande chance!

Olha um vídeo novo do Bob, na sua motoca, dois posts abaixo!
http://reinogato2.blogspot.com/2009/03/bob-voando-na-sua-cadeirinha.html
--

Apenas para esclarecer:
o Reino Gato não é uma ong nem um grupo, nem uma entidade. Não possui sede própria. Não são pessoas, no plural. Sou somente eu, mas com apoio de vcs - que repassam os emails, ajudam e participam das rifinhas.
Reino Gato é tão somente uma marca criada para dar nome a produtos de design e acessórios que eu mesma desenvolvo, marca que criei com intuito de conseguir pagar as despesas que tenho com animais que procuro ajudar, de forma independente. Alguns hospedo em casa (apartamento), mas por ter um espaço limitadíssimo e animais fixos (meus) acabo pagando hospedagem para casos graves e quando trata-se de cães.
Não teria como pagar e fazer este trabalho de "formiguinha", se não fossem as vendas e as rifinhas.

--
Bjinhos e lambidinhas dos gatinhos do Reino!

Thiane (a Matka Kočka, a mamãe dos gatos)
Lojinha: www.reinogato.com (mimos de Páscoa à venda!)
Rifas e Adoção: www.reinogato2.blogspot.com


15 comentários:

C r is disse...

thiane, chará! conheci sua história e a do bob, estou encantada e vou agora conhecer seu universo, o blog e site, enfim, adorei! pq tb sempre tive vontade de ajudar essas alminhas, mas não sei como!!! vou começar divulgando seus sites no meu! abraços! (ps: apaixonei pelo bob)

Profe Márcia disse...

Thiane, que prazer encontrar pessoas como tu.
É uma delícia ver que existem seres realmente humanos que se preocupam com os animais.
Aqui em casa, temos a Mel, nossa vira-lata linda, que tiramos das ruas da serra gaúcha, em um inverno bem frio, onde provavelmente, ela não sobreviveria.
Quando morava em casa, adotava temporiariamente até achar um lar definitivo, desde que mudei para apartamento ficou mais difícil, mas me emociono com histórias como esta.
Vou divulgar teu blog e tua iniciativa no meu espaço, como ele é bastante visitado, pode ser que contribua de alguma forma. Tomara.
Desejo tudo de bom pra ti ( e para o Bob), fiquei encantada com a história.
Abração.

thayskannab disse...

Olá, meu nome é Thays, sou de São Paulo capital, Estava passando pelo Yahoo para ver meus emails e vi a materia sobre o Bob..apesar de na materia falar que nao havia nenhum motivo pra chorar eu chorei sim...eu amo animais (principalmente cachorros), adotei uma cadelinha de pessoas que não cuidavam muito bem e sei que nao é facil cuidar de tantos bichinhos assim, pois minha mae e umas vizinhas dels fazem o mesmo trabalho que você, cuidam de cachorros de rua, levam pra castrar, tosar e cuidar..a graças a Deus sempre conseguem alguma alma bondosa para que adotem os bichinhos...infelizmente nao tenho muito com o que lhe ajudar..no momento até pela distancia..pois se morasse perto de você ajudaria a cuidar pessoalmente desses bichinhos..mas sempre que puder vou participar das rifinhas...
Adorei a iniciativa...Às vezes Deus nos oferece algumas coisas e escolhas que no inicio nao entendemos o porque..mas sempre tudo tem um proposito..e apesar do nosso trabalho de formiguinha..se não fosse ele o que seriam desses irmaozinhos que ajudamos??
Obrigada por ajudar!

Att,

Thays Kannab

Marina disse...

Thiane,

Acabei de ler tudinho sobre o BOB e estou chorando. Não posso ficar com ele pois já tenho dois cães(um SRD que fez 15 anos dia 16/03 e uma lindona de raça grande que fez 3 anos dia 06/03) e não teria condições de cuidar dele como precisa porque fico fora o dia todo.

Mas quero ajudar você no que me for possível. Então vou fazer algumas pecinhas de artesanato e enviar para você rifar.

Que você receba em dobro o que faz pelos animais.

Renata Tedesco disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mary disse...

olá amiga, cheguei ao seu blog através do yahoo, adorei seu cantinho.. adoro gatos, tenho 5, 4 deles resgatados da rua da minha cidade.. ficarei de olho nas histórias q vc posta aqui e vou ver como posso ajudar tb.. adorei te "conhecer" amiga.. beijocas mil e ótimo restinho de semana..

Cris disse...

Parabéns pelo lindo trabalho! E o Bob, heim? É um fofo, por isso foi parar no Yahoo!! Vou acompanhar teu blog, divulgá-lo e ajudar mesmo à distancia. Parabéns mais uma vez, boa sorte nesse trabalho especial e abençoado, vou ficar na torcida pelo Bob, aquele lindo!

Maria disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Juliana disse...

Olá!Como já li em alguns comentários por aqui, também conheci sua história, e a do Bob,quando fui verificar emails no yahoo. Fiquei fascinada com sua atitude e com toda a sua história de carinho, cuidado e proteção aos animais, ainda sendo apenas você,sozinha.Sou apaixonada por animais e tenho em casa uns 10 gatos, quase todos vira-latas, que eu amo de paixão, e ainda um cachorrinho lindo q ganhei faz pouco tempo. Meus parabéns sinceros e que você possa sempre continuar fazendo esse bem enorme para nossos amiguinhos, pois infelizmente pessoas como você são raras. Ah, me encantei com o Bob, queria ele pra mim, mas moro longe (MG) e com os meus 10 gatos tlavez não fosse uma boa idéia né?rsrs
Bom, vou fazer o possível para divulgar seu blog e trazer mais pessoas para contribui com as rifinhas e tudo mais.
Abraços e mais uma vez parabéns!

Elisa (Tchú) disse...

nossa... que linda a historia do Bob, ele lembra muito meu "vira-latinha", o Caco, de 13 anos, mto perfeito e que já teve um problema de coluna ha alguns anos, nao mexendo as patas traseiras por qse um ano- mas graças a Deus ja melhorou- e isso em fez me apaixonar mais por ele... se eu não morasse longe (Belo Horizonte), daria um jeito de visita-lo e quem sabe adota-lo! =D
nao tenho mais animais alem pq moro em apartamento e minha irmã tem fobia de cachorro (nem do Caco ela gosta apesar de ele ser a paixao de todo o resto da casa!) mas sou apaixonada por caes especialmente e
penso em no futuro, ter condiçoes de assim como vc ajudar e adotar alguns animais abandonados!
um beijo... ELisaa

Ale disse...

Cara Thiane, fiquei muito emocionada com com essa reportagem de vc e o Bob (que amor), nossa que lindo e fofo que é esse cachorrinho e o quanto feliz ele está, aqui em Manaus criamos uma ONG e estamos começando um trabalho parecido com seu. Parabéns pelo lindo trabalho que vens desenvolvendo em prol de nossos animaizinhos lindos, sucesso!abraços caninos.
visite nosso site: gpamanaus.org

luu_psy disse...

Se o Bob fosse socorrido na primeira vez quando estava procurando comida no lixo, não teria sido atropelado...

Marina disse...

Olá, vi a história de Bob, e me lembrei da história de minha nova cachorra, Stella. Qdo a encontrei, estava toda comebrta de sarna, e muita gente tentou mata-la. Eu não queria mais animais, depois q perdi minha outra cachorra, mas qdo a vi, me cativou demais. Hj, Stelinha está em minha casa, sarou da sarna e tem uma vida boa. Queria poder adotar mais cães, mas não posso. Portanto, irei procurar ajudar vc q faz um trabalho tão bacana. Vc faz a diferença.

Ale Moon ~ disse...

Conheci essa história pelo Yahoo e achei muito linda, espero que sirva de exemplo para que as pessoas possam pensar sobre isso e seguir essa idéia.

Silvia - BH disse...

Que blog simpático! Irei divulgá-lo.